terça-feira, março 28, 2006

Orgia linguística

Era um homem intransigente no que às figuras de estilo dizia respeito. Na verdade, a única aliteração que permitia era Pier Paolo Pasolini.

(estreia amanhã - lá estarei, com renovados agradecimentos ao cavalheiro que resolveu levar a miúda ao teatro.)

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home