quinta-feira, dezembro 07, 2006

Quando for grande, morena e tiver as gengivas pretas, quero ser a Leonor Pinhão

Das poucas vezes que mudei de canal para ver o jogo do Porto fiquei com a sensação de que a bola não passava do meio campo. O Arsenal chutava o esférico com o vigor de um mosquito asmático. O Porto jogava com tanta exuberância como o cabelinho lambido de Jesualdo. Nada contra, a sério. Não é a primeira vez que duas equipas preferem o acordo tácito de um resultado favorável a ambas, presenteando os espectadores com 90 minutos de um toca-e-foge entre rabilós.

O Benfica sai da Liga dos Campeões. O Benfica continua na Taça UEFA. Viva Fernando Santos, viva a covinha do queixo de Fernando Santos, viva a expressão "fomos derrotados, mas saímos com dignidade" de Fernando Santos. Eis um homem que sabe perder.

Quanto ao Sporting, tem agora pela frente o estimulante desafio de ganhar coisas realmente importantes como a Taça de Portugal. Mas para isso ainda poderá ter que derrotar equipas fortíssimas como o Valecambrense, o Juventude Évora ou o clube da Camacha. Adivinham-se tempos difíceis para estes rapazes.

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home